terça-feira, 27 de março de 2012

Notícias de Padre Reinaldo

Padre Reinaldo esta em Belo Horizonte, na Comunidade dos SSCC.

Abaixo contem duas mensagens, que ele nos escreveu.

 

Queridos amigos (as)

Já estou a mais de um mês em Belo Horizonte na Comunidade dos SSCC.

Já tivemos o Capitulo e a Jornada em Boraceia onde eu podia participar, até nadar no mar, que alegria.

Padre Vinicius é reeleito como Provincial, com novos conselheiros também.

Estou com muitas saudades de vocês, mas agora é hora me adaptar na nova Comunidade. Me parece que foi boa minha opção, de me “aposentar Pastoralmente”.

Saúde mais ou menos controlada, e acompanhada pelo medico, Dr. Luiz Filipe, (de pulmão).

Desejo a vocês todos pela intercessão do Padre Eustáquio “Saúde e Paz”.

E um abraço cordial do seu irmão Padre e amigo!

Padre Reinaldo (11/02/2012)

=============================================================

Queridos amigos (as)

Como vão vocês? Espero que todos estejam bem.

Agora mais um sinal de vida Quase três meses estou já na nova Comunidade em Belo-Horizonte.

Estou bem, mas com muitas saudades de vocês, em maio vou ficar alguns dias em Patrocínio.

Fazer alguns exames, mas especial “curtir saudade”.

Estou pensando no tempo da Festa de Nossa Senhora de Fátima, daí é mais fácil encontrar as pessoas. Porque visitar todo mundo é impossível

A Semana Santa está chegando Uma semana muito importante Vamos participar “os passos do Senhor Jesus”. Para que a Páscoa seja realmente para nós e nossa Família Vida nova que eu desejo para vocês de coração e com a Saudação do Padre Eustáquio “Saúde e Paz”.

Eu termino este Sinal de vida.

Um abraço cordial do seu amigo!

Padre Reinaldo (27/03/2012)

E-mail: ptcsscc@globo.com (Pe. Reinaldo)

sábado, 24 de março de 2012

Celebrando a Semana Santa em Patrocínio MG

Clique no link abaixo e veja a programação da sua paróquia:

Semana Santa na Paróquia Nossa Senhora do Patrocínio
Semana Santa na Paróquia São Damião de Molokai e Quase Paróquia João Paulo II
Semana Santa na Paróquia Santa Terezinha
Semana Santa na Paróquia São José

Semana Santa na Paróquia Nossa Senhora do Patrocínio

CELEBRANDO A SEMANA SANTA

DE 01 A 08 DE ABRIL DE 2012

Paróquia Nossa Senhora do Patrocínio

Patrocínio/MG

PROGRAMAÇÃO DA SEMANA SANTA

“Fomos curados graças às Suas chagas”!

Domingo de Ramos - 1º de Abril

Coleta da Campanha da Fraternidade - Fraternidade e Saúde Pública “Que a saúde se difunda sobre a terra”.

Bênção, Procissão de Ramos e Missa

07:00h - Bênção na Praça Honorico Nunes (Praça da Santa Casa) e procissão para a Igreja Matriz Nossa Senhora do Patrocínio

09:00h - Igreja Santa Luzia

09:00h - Comunidade São Geraldo

10:00h - Comunidade Santo Expedito (B. Enéas Ferreira de Aguiar)

Missas sem a Bênção dos Ramos

15:00h - Capela São Vicente

18:00h - Igreja Santa Luzia

19:30h - Igreja Matriz Nossa Senhora do Patrocínio

Segunda-feira Santa - 02 de Abril

“Se alguém quer me seguir, renuncie a si mesmo, tome a sua cruz e siga-me”. (Mt 16,24)

07:00h - Missa Igreja Matriz Nossa Senhora do Patrocínio

19:00h - Via Sacra, saindo da Capela São Vicente e percorrendo o bairro.

Terça-feira Santa-03 de Abril

“Pilatos, então, lhes entregou Jesus para ser crucificado. Eles tomaram conta de Jesus. Carregando a sua cruz, ele saiu para o lugar chamado Calvário”. (em hebraico: Gólgota) (Jo 19, 16-18)

07:00h - Missa Igreja Matriz Nossa Senhora do Patrocínio

09:00h - Missa na Capela São Vicente na intenção dos enfermos (com a celebração do sacramento da Unção dos Enfermos)

19:00h - Missa na Igreja Matriz Nossa Senhora do Patrocínio e, em seguida, procissão com a imagem de Nosso Senhor dos Passos para a Igreja Santa Luzia.

19:00h - Missa na Comunidade São Geraldo e, em seguida, procissão com a imagem de Nossa Senhora das Dores para o Colégio Berlaar Nossa Senhora do Patrocínio.

Quarta-feira Santa - 04 de Abril

“Estavam lá também algumas mulheres que o seguiam desde a Galiléia” (Mc 15,41) “e entre elas encontrava-se Maria, sua Mãe”. (Jo 19, 25).

07:00h - Missa na Igreja Matriz Nossa Senhora do Patrocínio

19:00h - Missa na Igreja Matriz Nossa Senhora do Patrocínio e, em seguida, procissão do Encontro saindo com a Imagem de Nossa Senhora das Dores para a Igreja Santa Luzia.

19:00h - Missa na Igreja Santa Luzia e, em seguida, procissão do Encontro com a Imagem de Nosso Senhor dos Passos.

20:30h - Encontro em frente a Igreja Santa Luzia onde haverá a encenação da Paixão de Cristo pela Secretaria Municipal de Cultura.

Quinta-feira Santa - 05 de Abril

“Enquanto comiam, Jesus tomou um pão e, tendo-o abençoado, partiu-o e, distribuindo-o aos discípulos, disse: Tornai e comei, isto é o meu corpo. Tornai e bebei este é o meu sangue”. (Cf. Mt 26, 26-28)

Dia da Instituição da Eucaristia e do Sacerdócio

09:00h - Missa do Crisma na Catedral de Patos de Minas com a presença do clero da Diocese e Bênção dos Santos Óleos.

20:00h - Missa e Cerimônia do Lava-pés na Igreja Santa Luzia (Vigília até às 24:00h).

20:00h - Missa e Cerimônia do Lava-pés na Igreja Matriz Nossa Senhora do Patrocínio (Vigília a noite toda).

20:00h - Missa e Cerimônia do Lava-pés na Comunidade São Geraldo (Vigília a noite toda).

Cada comunidade faça a escala de adoração ao Santíssimo.

Sexta-feira Santa- 06 de Abril

“Meu Deus, meu Deus, por que me abandonastes? Então Jesus deu um forte grito e expirou”. (Mc 15,34-37)

Dia de Jejum e abstinência de carne.

09:00h - Celebração da Misericórdia na Igreja Matriz Nossa Senhora do Patrocínio.

09:00h - Celebração da Misericórdia na Igreja Santa Luzia.

09:00h - Celebração da Misericórdia na Comunidade São Geraldo.

15:00h - Ação Litúrgica de Adoração da Cruz e Comunhão na Igreja Matriz.

15:00h - Ação Litúrgica de Adoração da Cruz e Comunhão na Igreja Santa Luzia.

15:00h - Ação Litúrgica de Adoração da Cruz e Comunhão na Comunidade São Geraldo.

19:00h - Oficio da Paixão e Descimento da Cruz na Praça da Igreja Santa Luzia e, em seguida, procissão do enterro saindo da Igreja Santa Luzia para a Igreja Matriz Nossa Senhora do Patrocínio (trazer velas).

Sábado Santo - 07 de Abril

“Em verdade, em verdade, vos digo: se o grão de trigo que cai na terra não morre, fica só. Mas, se morre produz muito fruto”. (Jo 12,24)

Dia de silêncio e reflexão.

20:00h - Solene Vigília Pascal na Igreja Matriz Nossa Senhora do Patrocínio (Pedimos trazer velas).

20:00h - Solene Vigília Pascal na Comunidade São Geraldo (Pedimos trazer velas).

20:00h - Solene Vigília Pascal na Igreja Santa Luzia (Pedimos trazer velas).

Domingo de Páscoa- 08 de Abril

“Por que buscai entre os mortos aquele que vive? Não está aqui. Ressuscitou”! (Lc 24,5-6)

06:00h - Missa e procissão da Ressurreição na Comunidade São Geraldo (Pedimos trazer flores).

07:00h - Missa Igreja Matriz Nossa Senhora do Patrocínio

09:00h - Missa Igreja Santa Luzia

10:00h - Batizado Igreja Santa Luzia.

10:00h - Missa Comunidade de Santo Expedito

15:00h - Missa de Páscoa das Comunidades Rurais em Tejuco

15:00h - Missa Capela São Vicente

18:00h - Missa Igreja Santa Luzia

19:30h - Missa Igreja Matriz Nossa Senhora do Patrocínio

Nesse tempo em que nos chamais à conversão, à esmola, ao jejum, à oração e à penitência, pedimos perdão pela violência e pelo ódio que geram medo e insegurança. Senhor, que a vossa graça venha até nós e transforme nosso coração.

Uma Feliz Páscoa a todos os Paroquianos!

Pe. Vanderci Ataíde Santana

Pe. José Ronaldo Oliveira

Frei Éderson Queiroz

Comunidades Paroquiais

sexta-feira, 23 de março de 2012

Semana Santa na Paróquia São Damião de Molokai e Quase Paróquia João Paulo II

CELEBRANDO A SEMANA SANTA

DE 31 DE MARÇO A 08 DE ABRIL DE 2012

Paróquia São Damião de Molokai

Quase Paróquia João Paulo II

Patrocínio/MG

PROGRAMAÇÃO DA SEMANA SANTA

PROCISSÃO E MISSA DE RAMOS

SÁBADO - 31 DE MARÇO

14:00h - Procissão de Dourados e Samambaia para Caxambu

19:30h - Igreja São Judas Tadeu

19:30h - Igreja Nossa Senhora de Fátima

DOMINGO - 01 DE ABRIL

07:30h - Igreja Nossa Senhora de Fátima

08:00h - Procissão saindo da Igreja São Sebastião e Igreja Nossa Senhora da Abadia para a Igreja Nossa Senhora da Piedade - Missa em seguida.

09:00h - Procissão e Missa no Santuário Nossa Senhora Aparecida - Martins

Dia Nacional de Coleta da Solidariedade

09:00h - Procissão saindo da Igreja Imaculada Conceição, passando na Igreja Sagrada Família e seguindo até a Igreja Nossa Senhora de Fátima.

10:00h - Igreja Nossa Senhora de Fátima

16:00h - Igreja Boa Vista

17:30h - Igreja Nossa Senhora de Fátima

19:30h - Igreja Nossa Senhora de Fátima

(Encenação da Paixão de Cristo)

SEGUNDA - FEIRA SANTA (02 de Abril)

18:00h - Procissão do Encontro e Missa - Chapadão de Ferro

TERÇA - FEIRA SANTA (03 de Abril)

07:00h - Missa Igreja Nossa Senhora de Fátima

PROCISSÃO DO ENCONTRO (Toda Paróquia)

19:00h - Missa Igreja Nossa Senhora da Piedade (Nações) Saída da Imagem de Nossa Senhora das Dores para a Igreja São Sebastião.

19:00h - Missa Igreja Nossa Senhora da Abadia - Saída da Imagem do Senhor dos Passos para a Igreja São Sebastião.

NÃO HAVERÁ MISSA NA IGREJA NOSSA SENHORA DE FÁTIMA ÀS 19:00h

QUARTA - FEIRA SANTA (04 de Abril)

07:00h - Missa Igreja Nossa Senhora de Fátima

18:00h - Procissão do Encontro e Missa - Comunidade Boa Vista

19:00h - Missa Igreja Nossa Senhora de Fátima

QUINTA - FEIRA SANTA (05 de Abril)

09:00h - Catedral Santo Antônio em Patos de Minas: Missa da Unidade e Bênção dos Santos Óleos

TRÍDUO PASCAL

QUINTA - FEIRA SANTA (05 de Abril)

INSTITUIÇÃO DA EUCARISTIA E CELEBRAÇÃO DO LAVA-PÉS

19:00h - Santuário Nossa Senhora Aparecida - Culto

19:00h - Boa Vista - Adoração

19:00h - Chapadão de Ferro - Culto

19:00h - Samambaia - Missa

19:00h - Caxambu - Culto

19:30h - Nossa Senhora de Fátima - Missa

19:30h - Nossa Senhora da Abadia - Missa

Adoração ao Santíssimo até à meia noite.

SEXTA - FEIRA SANTA (06 de Abril)

DIA DE JEJUM, ABSTINÊNCIA, ORAÇÃO E SILÊNCIO

06:30h - MEDITAÇÃO das Sete Dores de Nossa Senhora e PROCISSÃO SILENCIOSA

Início da Novena da Divina Misericórdia - Igreja Nossa Senhora de Fátima.

07:00h - Via-Sacra na Comunidade Nossa Senhora da Piedade.

15:00h - Celebração da Paixão do Senhor e Adoração da Santa Cruz em todas as Comunidades - Coleta para conservação dos lugares santos.

18:00h - PROCISSÃO do Senhor Morto, saindo da Praça do Tiro de Guerra até a Igreja Nossa Senhora de Fátima.

SÁBADO SANTO (07 de Abril)

Solene Vigília Pascal

19:30h - Nossa Senhora da Piedade

19:30h - Santuário Nossa Senhora Aparecida

19:30h - Nossa Senhora de Fátima

Não haverá Novena da Divina Misericórdia na Igreja, poderá ser feita individualmente (em casa).

DOMINGO DE PÁSCOA (08 de Abril)

07:30h - Nossa Senhora de Fátima

08:00h - São Sebastião (Batizados)

09:00h - Imaculada Conceição

10:00h - Nossa Senhora de Fátima (Batizados)

17:30h - Nossa Senhora de Fátima

18:00h - Nossa Senhora da Piedade

18:00h - Puladouro

19:30h - São Sebastião

19:30h - Nossa Senhora de Fátima

Não haverá Novena da Divina Misericórdia na Igreja, poderá ser feita individualmente (em casa).

Obs.:

De 09 a 14 de Abril

15:00h - Novena da Divina Misericórdia na Igreja Nossa Senhora de Fátima.

15 de Abril

15:00h - Adoração ao Santíssimo Sacramento - Igreja Nossa Senhora de Fátima.

17:30h - Missa Solene da Divina Misericórdia - Igreja Nossa Senhora de Fátima.

Semana Santa na Paróquia Santa Terezinha

CELEBRANDO A SEMANA SANTA

DE 01 A 08 DE ABRIL DE 2012

Paróquia Santa Terezinha

Patrocínio/MG

PROGRAMAÇÃO DA SEMANA SANTA

Domingo de Ramos

01 de abril de 2012

Igreja São Francisco

07:30h - Bênção dos Ramos na Praça da Nestlé, saindo em Procissão até a Igreja São Francisco. Logo em seguida: Celebração Eucarística.

Trajeto: Rua Professor Oscar Rodart e Avenida Jacinto Barbosa.

Igreja Nossa Senhora do Rosário

10:00h - Bênção dos Ramos no Ginásio Poliesportivo da Matinha, Procissão saindo do Poliesportivo da Matinha até a Igreja Nossa Senhora do Rosário. Logo em seguida: Celebração Eucarística.

Trajeto: Vicente Soares, Joaquim Novato e Rua Nonato Matias.

Igreja Matriz Santa Terezinha

18:00h - Bênção dos Ramos na Escola Estadual Dalva Stela de Queiroz, saindo em Procissão até a Igreja Santa Terezinha. Logo em seguida: Celebração Eucarística.

Trajeto: Rua Jacinto Alves Pereira, Rua Prof. João de Carvalho e Rua Prof. Oscar Rodart.

Igreja Santa Edwiges

19:30h - Bênção dos Ramos e Procissão . Logo em seguida: Celebração Eucarística na Igreja Santa Edwiges.

Segunda-Feira Santa

02 de abril de 2012

15:00h - Celebração Eucarística em Ação de Graças pelos enfermos na Igreja Santa Terezinha.

19:00h - Celebração Eucarística na Igreja Santa Terezinha

Procissão: A Imagem de Nosso Senhor dos Passos até a Igreja São Francisco.

Terça-Feira Santa

03 de abril de 2012

19:00h - Celebração Eucarística na Igreja Santa Terezinha

Procissão: A Imagem de Nossa Senhora das Dores até a Escola Estadual Dalva Stela de Queiroz

Quarta-Feira Santa

04 de abril de 2012

Procissão do Encontro de Nossa Senhora das Dores e Nosso Senhor dos Passos.

A Imagem Nossa Senhora das Dores

19:00h - Escola Estadual Dalva Stela de Queiroz até a Igreja Santa Terezinha.

A Imagem de Nosso Senhor dos Passos

19:00h - Igreja São Francisco até a Igreja Santa Terezinha.

Logo em seguida: Celebração Eucarística na Igreja Santa Terezinha.

Quinta-Feira Santa

05 de abril de 2012

09:00h - Missa do Crisma na Catedral de Santo Antônio / Patos de Minas.

19:00h - Celebração Eucarística na Igreja Santa Terezinha.

Adoração / Vigília até às 24:00h faça sua escala: Pastorais / Movimentos.

19:00h - Celebração Eucarística na Igreja Nossa Senhora do Rosário.

Adoração / Vigília até às 24:00h faça sua escala: Pastorais / Movimentos.

Sexta-Feira Santa

06 de abril de 2012

07:00h: Via Sacra / 1º Estação na Igreja Santa Terezinha, logo em seguida sairemos em caminhada, realizando as Estações nas residências até a Igreja São Francisco .

1º ESTAÇÃO: JESUS É CONDENADO À MORTE

Participação: Pastoral Litúrgica

2º ESTAÇÃO: JESUS CARREGA A CRUZ

Participação: Renovação Carismática

3º ESTAÇÃO: JESUS CAI PELA PRIMEIRA VEZ

Participação: Pastoral da Saúde, da Esperança e os Ministros das Exéquias.

4º ESTAÇÃO: JESUS SE ENCONTRA COM SUA MÃE

Participação: Pastoral Familiar

5º ESTAÇÃO: SIMÃO CIRINEU AJUDA JESUS CARREGAR A CRUZ

Participação: Pastoral da Criança e os Coroinhas

6º ESTAÇÃO: VERÔNICA ENXUGA O ROSTO DE JESUS

Participação: Ministros Qualificados do Matrimônio e do Batismo

7º ESTAÇÃO: JESUS CAI PELA SEGUNDA VEZ

Participação: EJC, EAC e a Pastoral da Juventude.

8º ESTAÇÃO: JESUS CONSOLA AS MULHERES DE JERUSALÉM

Participação: Ministros da Palavra

9º ESTAÇÃO: JESUS CAI PELA TERCEIRA VEZ

Participação: Pastoral da Caridade e Grupo de Dirigentes

10º ESTAÇÃO: JESUS É DESPIDO DE SUAS VESTES

Participação: Pastoral do Dizimo

11º ESTAÇÃO: JESUS É PREGADO NA CRUZ

Participação: Apostolado da Oração

12º ESTAÇÃO: JESUS MORRE NA CRUZ

Participação: Pastoral Catequética

13º ESTAÇÃO: JESUS É DESCIDO DA CRUZ

Participação: Ministros Extraordinários da Benção

14º ESTAÇÃO: JESUS É SEPULTADO

Participação: Ministros Extraordinários da Comunhão Eucarística e Pastoral do Batismo

08:00h às 15:00h - Adoração ao Santíssimo Sacramento na Igreja Santa Terezinha

As Imagens de Nosso Senhor Morto e Nossa Senhora das Dores estarão expostas na Igreja Santa Terezinha

15:00h - Celebração da Paixão e Adoração da Cruz na Igreja Santa Terezinha

Participação: Comunidades Santa Terezinha, Santa Edwiges, Nossa Senhora Aparecida, Nossa Senhora do Rosário e São Francisco.

18:00h - Encenação da Via Sacra, pelos Jovens dos EJC (s), EAC (s) e a Pastoral da Juventude. Local Poliesportivo da Matinha

Procissão do Nosso Senhor Morto e Nossa Senhora das Dores

Saída: Poliesportivo da Matinha

Trajeto: Ruas: Vicente Soares, Manoel Damas, Silvestre Moreira, João de Carvalho e Oscar Rodart.

Chegada: Igreja Matriz Santa Terezinha

Sábado Santo

07 de abril de 2012

19:30h - Celebração Eucarística na Igreja Santa Terezinha, Bênção do Fogo Novo, Renovação das Promessas do Batismo e Preparação do Círio Pascal.

Participação: todas as Comunidades da Paróquia.

Obs.: Trazer Velas / Renovação das promessas do Batismo

Domingo de Páscoa

08 de abril de 2012

8:00h - Missa na Igreja São Francisco

9:30h - Missa na Igreja Nossa Senhora Aparecida

18:00h - Missa na Igreja Santa Terezinha

19:30h - Missa na Igreja Santa Edwiges

Páscoa é dizer “sim” ao amor e à vida; é investir na fraternidade, é lutar por um mundo melhor, é vivenciar a solidariedade.

Feliz e Abençoada Páscoa!

Padre José Ricardo Lucas de Lima - Pároco

Padre Ivan José Ribeiro

Diácono José Luis de Araújo Paiva

Semana Santa na Paróquia São José

CELEBRANDO A SEMANA SANTA

DE 01 A 08 DE ABRIL DE 2012

Paróquia São José

Patrocínio/MG

PROGRAMAÇÃO DA SEMANA SANTA

DOMINGO DE RAMOS - DIA 01 ABRIL

Coleta Nacional da Solidariedade

ENTRADA DE JESUS CRISTO EM JERUSALÉM

07:30h - Benção dos Ramos na Igreja Santo Antônio, seguindo a procissão até à Matriz São José e Santa Missa.

19:00h - Santa Missa na Matriz São José, com a Benção dos ramos ( sem procissão ).

SEGUNDA-FEIRA SANTA - DIA 02 DE ABRIL

19:00h - Santa Missa na Matriz São José

Procissão do Depósito de Nosso Senhor dos Passos para a Igreja Santo Antônio.

TERÇA-FEIRA SANTA - DIA 03 DE ABRIL

19:00h - Santa Missa na Matriz São José

Procissão do Depósito de Nossa Senhora das Dores para a Igreja São Cristóvão.

QUARTA-FEIRA SANTA - DIA 04 DE ABRIL

15:00h - Santa Missa na Matriz São José com a Unção dos Enfermos

18:30h - Procissão do Encontro

A imagem de Nosso Senhor dos Passos sai da Igreja Santo Antônio, acompanhada pelos homens até a Matriz São José.

A imagem de Nossa Senhora das Dores sai da Igreja São Cristóvão, acompanhada pelas mulheres até Matriz São José.

Santa Missa do Encontro na Matriz São José

QUINTA-FEIRA SANTA - DIA 05 DE ABRIL

TRÍDUO PASCAL

09:00h - Missa do Santo Crisma na Catedral Santo Antônio, presidida por Dom Cláudio Nori Sturm.

19:00h - Santa Missa do Lava-Pés na Matriz São José

A santa Comunhão no Tríduo Pascal:

1. Aos fiéis em geral pode-se dar a comunhão:

a) Na Sexta-Feira Santa somente dentro da solene ação Litúrgica vespertina.

b) No Sábado Santo somente dentro da Vigília Pascal.

2. Aos enfermos que não podem participar da celebração Litúrgica:

a) Na Quinta-feira Santa e Sexta-feira Santa, pode-se administrar a Comunhão de manhã ou à tarde.

b) No Sábado Santo não pode ser administrada.

3. Aos gravemente enfermos pode-se dar comunhão a qualquer hora do dia ou da noite, em qualquer dia.

PROGRAMAÇÃO DA VIGÍLIA EUCARÍSTICA

21:00h/22:00h - Ministros Comunhão, Palavra, Terço Mulheres, Coroinhas

22:00h/23:00h - Ministros Comunhão, Palavra, Pascom, SAV

23:00h/24:00h - Ministros Comunhão, Palavra, Apostolado da Oração

00:00h/01:00h - Ministros Comunhão, Palavra, Terço Homens, Equipes de Cantos

01:00h/02:00h - Ministros Comunhão, Palavra, Catequese, Vicentinos

02:00h/03:00h - Ministros Comunhão, Palavra, Pastoral Familiar, Pastoral do Batismo

03:00h/04:00h - Ministros Comunhão, Palavra, Pastoral do Dízimo, COPAE

04:00h/05:00h - Ministros Comunhão, Palavra, Pastoral da Criança, Pastoral da Acolhida, RCC

05:00h/06:00h - Ministros Comunhão, Palavra, Pastoral da Liturgia, CCPs,

06:00h/07:00h - Ministros Comunhão, Palavra, Seminaristas, EACs, EJCs

SEXTA-FEIRA SANTA - 06 DE ABRIL

PAIXÃO DO SENHOR

Para maiores de 14 anos: Dia de abstinência de Carne.

Para maiores de 18 anos: Dia de jejum e abstinência.

Quem já completou 60 anos e os Enfermos: estão dispensados do jejum e abstinência.

02 Refeições: uma forte, completa e uma leve (prato sopa).

É importante conservar o espírito de penitência, evitando neste dia alimentos sofisticados como o camarão e o bacalhau; lembrando que água não quebra jejum.

15:00h - Solene Ação litúrgica: Liturgia da Palavra, Adoração à Santa Cruz e Comunhão.

Matriz São José (Coleta destinada à Terra Santa)

19:00h - Procissão do Enterro ( trazer velas )

Encenação da Paixão, Morte e Descimento da Cruz na Praça da Matriz São José. Em seguida procissão do enterro, retornando à Igreja São José.

Haverá coleta durante a Procissão.

SÁBADO SANTO - 07 DE ABRIL

Esta noite é “uma vigília em honra do Senhor” Ex 12, 42.

19:00h - SOLENE CELEBRAÇÃO DA VIGÍLIA PASCAL

Matriz São José (Trazer sua vela para a Vigília Pascal).

DOMINGO DE PÁSCOA - DIA 08 DE ABRIL

RESSURREIÇÃO DE JESUS CRISTO!

05:30h - Procissão da Ressurreição, em seguida Santa Missa na Igreja Santo Antônio. ( trazer flores )

09:00h - Santa Missa na Igreja São Cristóvão

19:00h - Santa Missa na Matriz São José

Hoje ressoa na Igreja o anúncio pascal. Ele vive para além da morte; Cristo é o Senhor dos vivos e dos mortos.

FELIZ E SANTA PÁSCOA A TODOS!

Pe. José Marcos dos Santos - Pároco

terça-feira, 20 de março de 2012

Editorial - Março 2012

    Estamos vivendo a Quaresma e nos preparando para esse momento fundamental na vida do cristão que é a Páscoa, e assim estamos nos aproximando da Semana Santa. Mas antes vivemos a Semana das Dores e esta semana que precede o domingo de Ramos é dedicada à lembrança das dores de Nossa Senhora, Mãe de Jesus, mas podem ser as dores de qualquer mãe.

    A Semana Santa é o grande retiro espiritual das comunidades eclesiais, convidando os cristãos à conversão e renovação de vida. Ela se inicia com o Domingo de Ramos e se estende até o Domingo da Páscoa. É a semana mais importante do ano litúrgico, quando se celebram de modo especial os mistérios da paixão, morte e ressurreição de Jesus Cristo. Sabemos bem que durante a Semana Santa, a Igreja celebra os mistérios da reconciliação, realizados pelo Senhor Jesus nos últimos dias da sua vida, começando por sua entrada messiânica em Jerusalém. O tempo da Quaresma se prolonga até a Quinta-feira da Semana Santa. A Missa Vespertina da Ceia do Senhor é a grande introdução ao santo Tríduo Pascoal. O Tríduo Pascoal tem início na Sexta-feira da Paixão, prossegue com o Sábado de Aleluia, e chega ao ápice na Vigília Pascal terminando com as Vésperas do Domingo da Ressurreição.

    Por isso meu irmão e minha irmã, Temos que dar testemunho daquilo que experimentamos, pois o que o mundo não reconhece e que só a fé revela: Cristo ressuscitou! Ele vive e nos precede junto de Deus.

    Deus abençoe a todos!!!

Pe. José Ricardo Lucas de Lima

Pastoral Familiar - Congresso Diocesano

Congresso Diocesano da Pastoral Familiar

    Dia 4 de março tivemos a oportunidade de participar do congresso diocesano da Pastoral Familiar da Diocese de Patos de Minas, que aconteceu em Patrocínio, no Rotary Brumado dos Pavões.

    As palestras foram ministradas por Pe. Jorge Alves Filho, Assessor da Pastoral Familiar da Arquidiocese de Belo Horizonte.

    Contamos com a carinhosa presença de nosso bispo diocesano, Dom Cláudio, que nos apresentou o novo casal diocesano, Evandro e Dirce. Desejamos a eles muita luz de Deus.

    Dom Cláudio, disse que os pais devem ser exemplo de vivência de Igreja, como comunidade de fé, dialogando com os filhos no sentido de perseverar na fé e vivência de comunidade.

    Pe. Jorge, em sua palestra discorreu sobre os 4 temas:

        1-Família na visão contemporânea
        2-Família e juventude
        3-Pastoral de conjunto
        4-Espiritualidade dos agentes da Pastoral Familiar.

    A família pede socorro, pois ela já não está sendo vista como a “célula mãe” da sociedade, ou seja, a sociedade está ficando órfã. É preciso salvar a família, recobrando os valores familiares tão apreciados por Deus, que escolheu vir ao mundo nascendo em uma família.

    Filho é dom de Deus, recebido pelos pais a partir do matrimônio. Tem que ser criado e educado pelos pais. É responsabilidade dos pais, que devem valorizar e ensinar os jovens a valorizar as tradições da família, sem impedir que eles sejam "eles mesmos”. Formação dos filhos não é escolha é obrigação dos pais. É preciso que os filhos tenham como primeira experiência a família que dialoga, que ora, que convive, que partilha, se não eles vão em busca de outras experiências.

    A Pastoral Familiar é uma pastoral de conjunto: está em tudo e tudo toca ela: Todas as outras pastorais e movimentos da paróquia dizem respeito à família, portanto, fazem parte da Pastoral familiar. Para cada situação a pastoral deve estar atenta. Sua missão é de conjunto, de inclusão, é ser “Sal da terra e Luz do mundo”.

    A espiritualidade dos agentes se fundamenta na união, oração e trabalho. É preciso saber conviver, ter consciência de que o outro é importante para mim. “Amai-vos uns aos outros”. O amor gera espiritualidade, porque Deus é amor. Quem tem amor tem Deus em si. Ser agente de pastoral é ser servo, é levar a força da oração ao outro, é participar da comunidade, é não começar nada sem orar.“Que todos sejam um como nós somos um....” Jo.17,20-28.


    Louvamos a Deus pelas sementes que foram lançadas no congresso, na esperança de que muitos frutos virão.

Lourdes Barbosa. - Pastoral Familiar

Veja a Galeria de Fotos:

Aniversário do Padre José Ricardo

Dia 02 de março, comemoramos o dom da vida do nosso Pároco, Padre José Ricardo. A paróquia pode se reunir, na Igreja de São Francisco, para juntos darmos graças a Deus, pela vida de Padre José Ricardo, por este um ano que passamos juntos, e pelo dom maior da sua vida.

A Celebração foi conduzida por ele, e concelebrada por Padre Ivan e Diácono José Luiz, estavam presentes também, os meninos do Seminário Menor, visitantes e paroquianos, de todas as comunidades da nossa Paróquia.

No final da celebração todos puderam cumprimentar Padre José Ricardo.

Padre José Ricardo disse, que o melhor que podemos colher em nossa caminhada, são as amizades que fazemos em nosso dia a dia, disse que recebeu muitas visitas e ligações e que isso faz valer a pena.

Que Santa Terezinha o abençoe e proteja, e dê muitas forças para continuar guiando o rebanho de Cristo.

Veja a Galeria de Fotos:

O Mensageiro Entrevista

Entrevista Pastoral da Saúde

    Amigos e Amigas em Jesus Cristo, esse mês tive a oportunidade de entrevistar a Ivonete de Carvalho Vicente Brás (coordenadora da Pastoral da Saúde da Comunidade Nossa Senhora do Rosário). Nossos sinceros agradecimentos pela acolhida e carinho. Dentro da Campanha da Fraternidade esse ano, temos o compromisso cristão de refletir sobre a saúde pública em nosso país, e com essa entrevista vamos conhecer melhor o trabalho da Pastoral da Saúde de nossa paróquia.

Natanael Oliveira Diniz (Comunidade Santa Terezinha)

1-Qual a função da pastoral da saúde?

    Visitar os doentes, levar a palavra de Deus. Devemos confortar, desenvolver nossa habilidade de escutar. Levando amor, compreensão, solidariedade. Ajudar o doente a oferecer a Deus suas preocupações, esperanças e medos. Rezar com eles e a família.

2-Qualquer pessoa pode participar da Pastoral da Saúde? A quem procurar? Explique-nos.

    Para ser membro da pastoral da saúde, é preciso:

Amor ao próximo / Equilíbrio psicológico / Participação na vida da paróquia / Ser bom ouvinte, acolhedor / Não ter pressa.

    Caso não esteja bem consigo mesmo, não vá visitar os doentes. Caminhe conosco, procure qualquer membro da pastoral da saúde de sua comunidade ou o escritório paroquial.

3- Esse ano a Campanha da Fraternidade aborda a questão da saúde pública. Qual sua avaliação da saúde em nossa cidade?

    Ter saúde é o sonho de todos. Saúde é o principal problema do país. Em nossa cidade a saúde não é diferente. Faltam médicos, há demora nos exames, nos encaminhamentos. Há pontos positivos, mas falta muito. Temos que reivindicar atendimento humanizado, acolhedor, digno em qualquer unidade de saúde. “Que a saúde se difunda sobre a terra”.

4-Quais são seus santos de devoção?

    Santa Terezinha, Nossa Senhora Aparecida, Nossa Senhora do Rosário, São José, São Camilo de Lélis.

5-Como é feita as reuniões da pastoral? Quando e como acontece?

    As reuniões paroquiais acontecem de dois em dois meses na sala anexa a Igreja Matriz Santa Terezinha com todos os membros da Pastoral. São tratados assuntos da pastoral da saúde de todas as comunidades de nossa paróquia com a participação e direção de nosso pároco. Temos formação, trocamos ideias e aprendemos muito. Temos uma missa por mês na capela do Hospital. E também missa uma vez ao ano com os doentes visitados, com Unção dos enfermos. As reuniões na comunidade acontecem uma vez ao mês, distribuímos as visitas, rezamos por eles e passamos tudo o que foi tratado na reunião paroquial para os membros. Os doentes da paróquia são visitados pelo padre José Ricardo quando precisam de Confissão, Unção dos enfermos, e a Eucaristia.

6-Relate-nos sua experiência na Pastoral da Saúde. O que te deixa feliz em fazer parte desta pastoral?

    Ser membro da pastoral da saúde é um presente de Deus. Fico muito feliz, amo a pastoral, os nossos enfermos e eles fazem parte de nós. O que eles nos passam é forte e nos faz fortes. Eles nos mostram que a vida vale a pena.

7-Deixe-nos sua mensagem.

Mensagem do Idoso

Se meu andar é hesitante e minhas mãos trêmulas, ampara-me.

Se minha audição não é boa e tenho de me esforçar para ouvir o que você está dizendo, tenha compaixão.

Se minha visão é imperfeita e o meu entendimento é escasso, ajude-me com paciência.

Se minhas mãos tremem e derrubo comida na mesa ou no chão, por favor, não se irrite, tentei fazer o melhor que pude.

Se você me encontrar na rua, não faça de conta que não me viu, pare para conversar comigo, sinto-me muito só.

Se você na sua sensibilidade me ver triste e só, simplesmente partilhe um sorriso e seja solidário.

Se lhe contei pela terceira vez a mesma história num só dia, não me repreenda, simplesmente ouça-me.

Se me comporto como criança, cerque-me de carinho.

Se estou com medo da morte e tento negá-la, ajude-me a preparar para o adeus.

Se estou doente e sendo um peso, não me abandone.

Cantinho do Coração de Jesus

Ó GLORIOSO SÃO JOSÉ!

    Causa-nos mais uma vez grande alegria, podermos repassar a grandeza da santidade deste homem “justo e bom”.

    José é de família real, descendente de Davi. É esposo de Maria. Sua paternidade e seu casamento foram na ordem da adoção, legais. Velou sobre a família de Nazaré, dando-lhe o calor de seu amor e o pão necessário, fruto de seu trabalho. Depois que Jesus completou 12 anos, ele desapareceu de cena.

    Tranquilamente, podemos concluir que, se José foi escolhido para Esposo de Maria, a mais santa de todas as mulheres, é porque ele era o mais santo de todos os homens. Se existisse alguém mais santo que José, certamente seria este escolhido por Jesus para Esposo de Sua Mãe Maria. Nós não pudemos escolher nosso pai e nossa mãe, mas Jesus pode; então, escolheu os melhores que existiam.

    José mereceu o nome de “justo” porque possuía de modo perfeito todas as virtudes. José deixou para todos nós, homens, mulheres, jovens e crianças destes tempos modernos e muitas vezes “descristianizado”, um exemplo forte de saber viver na bondade, na justiça, na fidelidade a Deus Pai e na perseverança do bem, onde quer que estejamos, em tudo que fizermos.

    Nem sempre São José é conhecido, amado e invocado como deve ser. “Se louvar a Maria é louvar também a Jesus; louvar ao Glorioso São José, é louvar também a Jesus e Maria”.

    Quanto aos outros santos, parece que Deus lhes concedeu o poder de nos socorrer nalguma necessidade particular somente. Mas, tratando-se de São José, a experiência prova o contrário: ele nos socorre em todas as nossas necessidades. Imploremos, pois, a São José, cujos pedidos soam para Jesus como ordem paterna.

    Ó Glorioso São José, “amparai a cada um de nós com a vossa constante proteção, a fim de que, com o vosso exemplo e sustentados com o vosso auxílio, possamos viver virtuosamente, morrer piedosamente e obter no céu a eterna bem aventurança”! Amém.

    Um abraço amigo,

Maria José S. Alfredo.

CatequInformando

    Nos documentos da Igreja, está claro que a catequese é prioridade. Ela é essencial na educação da fé das crianças, jovens e adultos.

    E por ser uma ação evangelizadora, se faz necessários catequistas comprometidos com o projeto de JESUS CRISTO.

    Leigos e leigas que chamados à vocação, e tiveram o encontro pessoal com a pessoa de JESUS CRISTO.

    Há uma grande preocupação da diocese, dos párocos e coordenadores em relação a formação dos catequistas.

    Por isso a catequese é programada, seu calendário é pensado e elaborado de acordo com a realidade das paróquias e comunidades. São colocados estudos, retiros, encontros com as famílias atingindo toda a comunidade catequética tanto urbana como rural.

    A catequese é caminhada é processo continuo é integração fé e vida. Isso exige de cada catequista disponibilidade e responsabilidade com a missão catequética. Não dá mais para fazer uma catequese faz de conta, na base do improviso e da boa vontade. Infelizmente, muitos ainda não entenderam isso. Alguns até se acham bem preparados “maduros”. Já dizia um sacerdote em uma formação, “Catequista que se acha maduro, já está na hora de apodrecer”.

    Como conhecer a riqueza de nossa Igreja e nossa fé, para transmiti-la, se não participamos das formações? Pensemos nas palavras de São Paulo: “Ai de mim, se eu não evangelizar”.

    Catequese é evangelizar e ser evangelizado, quanto mais buscamos, mais temos e aprendemos, na certeza da afirmativa de Jesus, “Eis que estarei com vocês todos os dias”.

    A primeira formação paroquial foi no dia 12 de fevereiro, na Igreja São Francisco, contando com a participação de 73 catequistas. Tivemos também a Setorial, reunindo mais de 100 catequistas do Setor São Jose nos dias 10 e 11 de março na Escola Normal.

    Está previsto a próxima no dia 14 de abril as 7.30 na Igreja São Francisco.

    Catequista, seja fiel Aquele que te chamou e te enviou. PARTICIPE!

Edinha

Vejam a Galeria de Fotos:

SAV - Serviço de Animação Vocacional

    Foi com muita alegria que iniciamos em nossa paróquia, neste ano de 2012, a pedido do nosso Pároco Padre Jose Ricardo, os trabalhos do SAV. Sendo este, um trabalho pastoral da Igreja que caminha em profunda sintonia com o padre e com a diocese. Visando despertar os cristãos para a vocação humana, cristã e eclesial. Ajudando-os a discernir os sinais indicadores do chamado de Deus diante de uma opção vocacional consciente e livre.

    Durante este primeiro ano teremos a graça de trabalharmos em comum-união com a Paróquia São José na formação da Pastoral. E Já iniciando nossos trabalhos tivemos no dia 12 de fevereiro, na Paróquia São José uma formação com o Seminarista do Seminário Maior Iran Junior. Formação esta que foi de grande importância para toda a equipe, onde tivemos um primeiro contato com os objetivos e funções do SAV. Também aproveitamos o momento para tiramos a foto que foi publicada no Mensageiro.

    Queremos deixar aqui o nosso convite as pessoas que quiserem trabalhar conosco no SAV, nossas reuniões serão todo 3º sábado de cada mês, na Matriz Santa Terezinha, às 16:00 Horas. Venham caminhar conosco, vocês são bem vindos!!!

    Contamos com suas orações para que nossa Pastoral cresça e dê bons frutos.!!!

Marília.

Caça Palavras

Procure no quadro abaixo as seguintes palavras:

adoração, aplauso, bispo, caridade, cinzas, diretriz, eucaristia, esmola, garganta, higiene, incenso, ingresso, jerusalém, juventude, ministro, oração, paixão, pároco, páscoa, penitência, perto, quaresma, ramos, remédio, ressurreição, romano, saúde, sepulcro, somente e vigília.

Novo Arcebispo de Uberaba

No dia 07 de março, o Papa Bento XVI nomeou Dom Paulo Mendes Peixoto como o novo Arcebispo da Arquidiocese de Uberaba - MG, transferindo-o da Diocese de São José do Rio Preto - SP.

Dom Paulo torna-se o 7º Bispo e 4º Arcebispo da Arquidiocese de Uberaba, sucedendo; Dom Eduardo Duarte Silva (1907 - 1923), Dom Antônio de Almeida Lustosa (1925 - 1928), Dom Luiz Maria Santana (1929 - 1938), Dom Alexandre Gonçalves do Amaral (1939 - 1978), Dom José Pedro de Araújo Costa (1968 - 1978), Dom Benedito de Ulhôa Vieira (1978 - 1996), Dom Aloísio Roque Oppermann (1996-2012).

De acordo com o Código de Direito Canônico (Cân. 382, § 2), a partir da nomeação o Bispo diocesano deve tomar posse de sua diocese dentro do prazo de dois meses após receber os documentos apostólicos. Assim, neste período, será definida a data da Solenidade de Posse de Dom Paulo Mendes Peixoto.

segunda-feira, 19 de março de 2012

Glorioso São José

19 de março dia de São José

    Apesar de ter grande importância dentro da Igreja católica, o nome de São José não é muito citado dentro das fontes bibliográficas da Igreja, sendo mencionado apenas nos Evangelhos de S. Lucas e S. Mateus.

    Descendente de Davi, São José era carpinteiro na Galileia conforme foi citado no Evangelho de São Mateus: “Não é este o filho do carpinteiro?” (Mt 13, 55) e comprometido com Maria. Quando ela recebeu a anunciação do anjo Gabriel de que daria a luz ao Menino Jesus, José ficou bastante confuso porque apesar de não ter tomado parte na gravidez, confiava em sua fidelidade. Pensou, então, em terminar o noivado e deixá-la secretamente. Porém em um sonho, um anjo lhe apareceu e contou que o Menino era Filho de Deus e que ele deveria manter o casamento.

    José esteve ao lado de Maria em todos os momentos, principalmente na hora do parto, que aconteceu em um estábulo, em Belém.

    Pelos seus exemplos de chefe de família e obediência a Deus, São José é bastante cultuado dentro da Igreja Católica, sendo o patrono universal da Igreja, dos pais, dos carpinteiros e da justiça social.

    Quando foi proclamado “O Patrono da Igreja Universal” em 1870, pelo papa Pio IX, passou a ser cultuado no dia 19 de março. 85 anos depois em 1955 o papa Pio XII fixou o dia 1 de maio como o dia de “São José Operário, o trabalhador”.

A Páscoa de Jesus

    A páscoa é momento de alegrar, de “exultar”, de cantar como os anjos cantaram no nascimento de Jesus: Glória in excelcis Deo “glória a Deus no mais alto dos Céus” (Lc 2,14a). Essa alegria, que expressamos neste tempo litúrgico pela celebração pascal durante 50 dias, precisa estender também na nossa vivência do dia a dia. Nós ficamos durante toda a quaresma sem cantar o canto do “Glória” para cantá-lo com esplendor no Sábado Santo, a grande celebração da vigília pascal. A cada ano que passa é uma nova oportunidade que temos de renovar a nossa esperança de Salvação pelo Mistério Pascal de Cristo. Torna-se importante, então, conhecer o que realmente foi a páscoa de Jesus para vivermos melhor esta “páscoa” em nossas vidas.

    Jesus era um judeu e viveu os costumes judaicos, mas renovou e deu um novo sentido à páscoa judaica. Na noite da quinta-feira próxima à páscoa dos judeus Jesus tomou o pão, deu graças, parti-o e lhes deu, dizendo: “Isto é o meu corpo, que é dado por vós”. Fazei isto em memória de mim. Depois da ceia, fez o mesmo com o cálice dizendo: “Este cálice é a nova aliança no meu sangue que é derramado por vós”. (Lc 22,19-21). Com este gesto Jesus se oferece como cordeiro para o sacrifício no lugar dos cordeiros que eram imolados na páscoa judaica. Assim, Jesus oferece um sacrifício a Deus uma vez por todas e por todos (realizando uma redenção eterna), não sendo mais necessários os sacrifícios de touros e bodes (Hb 9,12).

    A páscoa dos judeus era celebrada como memória da libertação da escravidão do Egito, da “passagem” de escravos para um povo livre. Esta celebração acontecia no primeiro mês do ano, chamado de Nisan, que seria situado entre os meses março e abril do nosso calendário. Esta celebração está relatada de forma solene no livro do Êxodo (Êx 12, 1-14). No dia 14 de Nisan era imolado o cordeiro da páscoa. O evangelista São João nos diz que Jesus foi sacrificado na cruz no mesmo dia (Jo 19,14). Jesus dá assim um novo sentido à páscoa judaica e nos faz passar pela sua páscoa - paixão, morte e ressurreição - da condição de escravos do pecado para a condição de filhos e filhas de Deus, libertos do pecado e da morte (morte eterna).

    Ao oferecer tão grande sacrifício para a salvação da humanidade, Cristo nos deixou também um grande exemplo: o de como celebrar este sacrifício. Cristo, sendo ele Deus com o Pai e o Espírito Santo, antes de se entregar na cruz mostrou aos seus discípulos como deveria ser a atitude deles, pois seriam os novos “mestres do Amor” como Jesus o foi. O exemplo referido é o que está no capítulo 13 do evangelho de São João. É um texto belíssimo e intitulado “o lava pés”. Este texto, que é proclamado todos os anos na quinta-feira Santa, relata que Jesus, ao aproximar a festa da páscoa, lava os pés dos discípulos. É um gesto de total despojamento, pois lavar os pés naquela época era função dos escravos. Desta forma, ele deixa um maravilhoso exemplo de humildade e convida a cada um de nós a fazer o mesmo, para assim termos comunhão com ele.

    Sendo assim, este tempo tão importante para vida da Igreja é um momento especial de aprofundar a nossa relação com Deus. Viver bem a páscoa é vive-la seguindo o exemplo de Cristo. Procurar cada vez mais se identificar com Cristo, sendo humilde, aceitando passar a paixão - às vezes até a morte pelas fortes renúncias que somos chamados a fazer - é um caminho sábio para também ressuscitar com cristo. A páscoa de Jesus implica três momentos - paixão, morte e ressurreição; assim também deve ser a nossa. Esta é a nossa esperança como diz São Paulo: “se morremos com Cristo, cremos que também ressuscitaremos com ele” (Rm 6,8). Os capítulos 19, 20 e 21 do evangelho de São João é um belo relato do mistério pascal, o qual será proclamado na semana Santa. Poderia então ser lido, relido e meditado para irmos já preparando bem a nossa páscoa, que é a mesma páscoa de Jesus.

    Vê-se, pois, que pela páscoa de Jesus voltamos à nossa condição original, de Santidade e Justiça, perdida com o pecado original. Viver bem a páscoa de Jesus é um grande meio de aumentar a intimidade com ele e, por consequência, conservar a vida que temos Nele. Este é um tempo de muita alegria para nós, mas é também um tempo de comprometimento e de oração. Vivendo bem este tempo, a graça que recebemos no sacramento do Batismo e que alimentamos com os outros sacramentos, especialmente a Eucaristia, fortificamos ainda mais a nossa comunhão com Deus. E aquele que permanecer na comunhão com Jesus terá como recompensa a alegria completa, ou seja, a vida eterna (cf. Jo 15, 11; Jo 6,40;).

José Antônio Ramos
Seminarista do 4º ano do curso de Teologia do seminário Maior
“Dom José André Coimbra” da Diocese de Patos de Minas.

História da Diocese de Patos de Minas

Livro conta a história do Triângulo Mineiro,Alto Paranaíba e da Diocese de Patos de Minas.

    Já se encontra nos escritórios paroquiais o livro: “A História da Diocese de Patos de Minas - Antecedentes históricos, preparação, criação e primeiro episcopado (1866-1968)”. A obra é o resultado de três anos de pesquisa para a elaboração da tese de doutorado de Padre Nilson André Fernandes. Esta tese foi defendida em janeiro de 2011, em Roma, na Pontifícia Universidade Gregoriana.

    O livro, com acabamento de luxo, contém 568 páginas e desenvolve diversos temas como: evolução civil e eclesiástica do Triângulo Mineiro e Alto Paranaíba, história civil e religiosa de Patos de Minas, breve história das diversas paróquias e do primeiro clero da diocese, história da preparação e do nascimento desta diocese, história, biografia, escritos e ministério de Dom José André Coimbra, primeiro Bispo.

    Trata-se de uma obra de referência, quer para a história civil, quer para a história religiosa da região do Triângulo Mineiro e Alto Paranaíba, uma vez que faz uma análise histórica, antropológica, social e religiosa de toda a região. É o primeiro livro científico sobre a Diocese de Patos de Minas.

A apresentação da obra foi escrita por Dom Claudio Nori Sturm, Bispo diocesano, na qual recomenda “uma ampla divulgação” nas paróquias de toda a região.

(Galeria de Fotos) Tese de Doutorado do Pe. Nilson André Fernandes

As Mulheres e Suas Conquistas

Durante muito tempo os valores morais impostos ás mulheres dificultaram a luta pelo direito de igualdade.

Ao longo da história, elas foram subjugadas ás vontades dos homens e aos diversos modos de discriminação, mas se uniram para buscar seus direitos ao seu trabalho e á sua vida.

Este mês comemoramos o dia Internacional da Mulher, data lembrada pelo ápice da discriminação contra a classe feminina.

Em 8 de março de 1857, 130 trabalhadoras de uma fábrica têxtil de Nova Iorque (EUA) foram queimadas vivas após reivindicarem a diminuição da carga de 16 horas para 10 horas de trabalho diário e salários iguais aos dos homens, que na época ganhavam três vezes mais executando a mesma função.

No Brasil, durante o governo do presidente Getúlio Vargas, com a reforma da Constituição, em 1932, as brasileiras ganharam os mesmos direitos trabalhistas que os homens, conquistaram o direito ao voto e aos cargos políticos dos poderes Executivo e Legislativo.

Em 1988 a Constituição Federal concedeu a igualdade jurídica entre homens e mulheres.
Outra conquista feminina foi a Lei Maria da Penha, em vigor desde 22 de setembro de 2006, garantindo punições aqueles que praticarem violência doméstica contra mulheres e crianças.

O espaço feminino na sociedade tem sido ocupado pela participação da mulher em todos os setores sociais. A independência foi conquistada, mas a mulher moderna pode se sentir sobrecarregada por não ser a supermulher e ter de conquistar excelência como profissional, mãe e esposa, além de manter-se bonita, atraente e bem humorada.

Comparado ao tipo de vida de nossas bisavós, avançamos muito e conquistamos a liberdade.

Entretanto, o que temos hoje é o desafio de conciliar todos os afazeres e as obrigações familiares e sociais, e ainda encontrar tempo para ser feliz.

Campanha da Fraternidade 2012

    Tema, “Fraternidade e Saúde Pública” e o lema, “Que a saúde se difunda sobre a terra”.

    A CAMPANHA DA FRATERNIDADE desse ano chama atenção sobre a importância de cuidar para que as pessoas não fiquem doentes. Ou seja, alerta sobre alguns cuidados básicos necessários para vivermos mais e melhor.

    A pastoral da saúde não volta primordialmente ações de terapia, de saneamento básico, de nutrição e dietética ou de forma técnica de profissionais de saúde, tampouco de pesquisas científicas ou de planejamento de saúde. Pode fazer também isso, mas não como ação especificamente própria. Além disso, procura lembrar o povo da importância de cuidar da saúde.

    A primeira lembrança é que, se cuidarmos bem da saúde, com certeza a doença diminuirá muito a sua agressividade. A segunda é que, gastando mais com a prevenção, vamos dispor de mais recursos e automaticamente de melhores condições de vida. Pois os especialistas em saúde são unânimes em afirmar que a maioria das doenças que ferem e matam, sobretudo nos países em desenvolvimento, poderia ser evitada sem grandes esforços científicos ou financeiros.

    A doença e a morte prematura, em grande parte, são causadas por falta de valores básicos ou de sabedoria. Por outro lado, não podemos esquecer que, por mais esforços que façamos em favor da vida e da saúde, a doença e a morte serão sempre nossas companheiras inseparáveis.

    Portanto, a primeira tarefa da pastoral da saúde é trabalhar e lutar para que as pessoas não fiquem doentes. Paralelamente, os agentes de pastoral devem continuar proporcionando ao doente e ao moribundo a solidariedade terapêutica, psicológica e espiritual para que se recuperem a saúde, se restabeleçam plenamente ou entre na eternidade na plena paz dos filhos de Deus.

    “São muitas as informações sobre hábitos de vida que podem levar as pessoas a ficar doentes. Entre eles temos o tabagismo, o sedentarismo, o consumo excessivo de alimentos com gorduras, a violência no transito, o alcoolismo.”

    “Porém a responsabilidade de combater esse mal é de todos.”

Pe. Anísio Baldessin
Coord. da Pastoral da Saúde da Arquidiocese de São Paulo

sexta-feira, 16 de março de 2012

Mutirão de Confissões - Paróquia Nossa Senhora do Patrocínio

Paróquia Nossa Senhora do Patrocínio

Dia 20 de Março de 2012

De 14 às 17 horas:

*Igreja Matriz Nossa Senhora do Patrocínio

*Igreja Santa Luzia

*Centro de Pastoral São Geraldo

De 19 às 21 horas:

*Igreja Matriz Nossa Senhora do Patrocínio

*Igreja Santa Luzia

*Centro de Pastoral São Geraldo

*Igreja Santo Expedito

Atendimento de Confissão na Igreja Santa Luzia

Dia 20 de março de 2012

Igreja Santa Luzia

Horário: 14 às 17 horas e das19 às 21 horas

Dia 22 de março de 2012

Igreja Santa Luzia

Horário: 14 às 17 horas

Aviso para a Comunidade de Malhadouro - Paróquia Nossa Senhora do Patrocínio

Em virtude do Mutirão de Confissão da Paróquia Nossa Senhora do Patrocínio não terá a Celebração da Santa Missa na Comunidade Rural de Malhadouro no dia 20 de março, teremos a Celebração da Palavra no dia 29 de março às 19 horas.

O Mensageiro - Março de 2012

O Mensageiro - Março de 2012

Órgão Informativo da Paróquia Santa Terezinha

Patrocínio MG - Diocese de Patos de Minas

Clique nas Imagens e veja:

  
  

(Obs: para visualização das imagens em tamanho maior, clique com botão direito do mouse, e em abrir em nova janela ou nova aba, quando a imagem abrir clique onde você quer ampliar).

domingo, 11 de março de 2012

Mutirão de Confissões - Paróquia Santa Terezinha

PARÓQUIA SANTA TEREZINHA

MUTIRÃO DE CONFISSÕES

DIA15 DE MARÇO DE 2012

CONFISSÕES / TARDE

Horário: 14:00h ás 17:00h

Igreja São Francisco

Igreja Santa Terezinha

Igreja Nossa Senhora do Rosário

CONFISSÕES / NOITE

Horário: 19:00h ás 21:00h

Igreja São Francisco

Igreja Santa Terezinha

Igreja Nossa Senhora do Rosário

Igreja Nossa Senhora Aparecida

Igreja Santa Edwiges

Padre José Ricardo Lucas de Lima – Pároco

Padre Ivan José Ribeiro

Diácono: José Luis de Araújo Paiva

Mutirão de Confissões - Paróquia São José

Paróquia São José

MUTIRÃO DE CONFISSÕES

DIA13 DE MARÇO DE 2012

CONFISSÕES / TARDE

Horário: 14:00h ás 17:00h

Igreja Matriz São José

Igreja Santo Antônio

Igreja São Cristóvão

Igreja Sagrados Corações

CONFISSÕES / NOITE

Horário: 19:00h ás 21:00h

Igreja Matriz São José

Igreja Santo Antônio

Igreja São Cristóvão

Igreja Sagrados Corações

terça-feira, 6 de março de 2012

Congresso Diocesano - Pastoral Familiar

Congresso Diocesano - Pastoral Familiar

Local: Rotary Club de Patrocínio “Brumado dos Pavões”

Patrocínio – MG

Veja a Galeria de Fotos:

Muito obrigado pela visita!!!

Clique nas paginas para ver outras matérias.

Seguidores

Total de visualizações de página

Colaboradores


Foto: